Blefaroplastia sem cortes – Cirurgia de pálpebras sem cortes - Instituto da Pele

Blefaroplastia sem cortes – Cirurgia de pálpebras sem cortes

blefaroplastia sem corte - instituto da pele
blefaroplastia sem corte - instituto da pele
blefaroplastia sem corte - instituto da pele

Blefaroplastia sem cortes – Cirurgia de pálpebras sem cortes

Jato de plasma, Blefaroplasma, Blefaroplastia ou plástica das pálpebras sem corte: esse é o nome que ficou popularmente conhecido essa nova técnica. O tratamento é feito através da sublimação dos tecidos, causando uma queimadura superficial menor que os cautérios ou lasers tradicionais. As áreas das pálpebras foram as que tiveram maiores benefícios com o uso dessa tecnologia.

O que é o jato de plasma?

O plasma é o quarto estado da matéria. Sim! Existe sólido, líquido, gasoso e PLASMA! No nosso meio, conhecemos os raios (trovão) e as TVs. Agora também usamos esse estado da matéria para a estética para corrigir a flacidez das pálpebras.

Jatos de plasma são todos iguais?

Não! Aqui está o maior segredo. Existem simuladores de jato de plasma que não são puros e muito mais baratos, porém, aumentam mais os riscos e diminuem o sucesso do procedimento. 

Nós Utilizamos o Raytrace – Plasma BT.

Como é feito o Blefaroplasma (Cirurgia de pálpebras sem cortes)? 

A técnica é causar uma queimadura superficial menor que os cautérios ou lasers tradicionais na área das pálpebras.

Esse procedimento causa a retração dos tecidos, bem como a intensa produção de colágeno, fazendo com que a pele da pálpebra diminua.

Para quem é indicada a Cirurgia de pálpebras sem cortes?

Para todos os pacientes com flacidez leve a moderada de pálpebras. O procedimento vem como uma nova alternativa para pessoas que não fariam a cirurgia por:

  • Medo;
  • Receio da cicatriz;
  • Pouca flacidez para cirurgia, mas suficiente para incomodar;
  • Se considerar jovem para procedimento cirúrgico, mas já ter intenção de tratar a flacidez e as ruguinhas dessa área;

Para graus mais avançados sugerimos Blefaroplastia.

Como é a recuperação após o Blefaroplasma?

Procedimento não tem contra indicação ao retorno das atividades, desde que seja evitada a exposição ao sol, pois o tratamento deixa “marquinhas de queimadura” nos primeiros dias.